Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Nissan estreia na Supercopa e anuncia Iniesta e Thiago Silva como embaixadores

Montadora japonesa vai inaugurar parceria com a Uefa, anunciada em abril deste ano


O duelo entre Real Madrid e Sevilla pela Supercopa da Europa, encontro entre os campeões da Liga dos Campeões e da Liga Europa, marca o início da parceria entre Nissan e Uefa anunciada em abril deste ano. A montadora japonesa, agora, mostra o posicionamento que decidiu adotar em relação ao patrocínio e os dois rostos que vão representá-la: Andrés Iniesta e Thiago Silva.
O espanhol e o brasileiro serão os pilares da marca na campanha publicitária mundial que será lançada neste mês, com o primeiro comercial para televisão.
"A Supercopa da Uefa representa a primeira experiência em uma parceria oficial da Nissan com a Uefa e estamos muito empolgados", disse Bastien Schupp, vice-presidente de marketing da empresa na Europa, em comunicado. Ele explicou que "inovação que excita" é o posicionamento adotado pela empresa. A campanha vai engrandecer a experiência do torcedor nas competições da Uefa. "Nossa parceria fará um esforço colaborativo que ampliará as fronteiras para criar inovações reais e empolgação contínua para os torcedores ao redor do mundo".
Uma das primeiras ações nesta linha foi a entrega de 600 ingressos grátis para grupos esportivos de jovens do Sul de Gales. O estádio Cardiff City que receberá Real Madrid nesta terça-feira fica no País de Gales. Uma família também foi levada para assistir aos treinamentos das duas equipes e ao estádio galês antes do início da partida.
A Nissan também usou os próprios produtos, três veículos Crossovers Hissan Qashqai, para levar os troféus da Liga dos Campeões, da Liga Europa e da Supercopa para uma caravana pelo País de Gales. Houve paradas em Newport, Wrexham, Bangor City, Aberystwyth, Llanelli e Cardiff. Carros também estão expostos em regiões populosas.
A montadora japonesa assinou contrato com a entidade que rege o futebol europeu em abril deste ano e substituiu a Ford, com quem a Uefa mantinha uma relação comercial de 21 anos. O acordo é válido da temporada 2014/2015, que está começando agora, até a 2017/2018.
Fonte: Máquina do Esporte - UOL

0 comentários :

Postar um comentário