Cabeçalho

Logotipo

sábado, 2 de agosto de 2014

Ponte Preta sonha com aprovação da Arena no mês de seu aniversário

 

Prestar a completar 114 anos de existência, neste mês, a diretoria da Ponte Preta promete presentear o torcedor alvinegro com um 'presente de Natal' antecipado. Na próxima segunda-feira, o prefeito de Campinas, Jonas Donizette irá assinar o projeto de lei, que prevê o início da construção da Arena Ponte Preta. A cerimônia está agendada para às 14h, no Salão nobre do Estádio Moisés Lucarelli. Em seguida, a autoridade enviará o projeto para a Câmara Municipal Legislativa.
Caso seja aprovado pelos vereadores, a votação deve ocorrer ainda neste mês. O trâmite pode demorar cerca de 20 dias. Assim que for dado o passo legal, a diretoria da Macaca deverá passar novamente o projeto para a Assembleia Geral dos Sócios. Os sócios modificaram a primeira parte do plano. Se aprovada, a nova casa da Ponte deve ficar pronta entre dois a três anos. Segundo a assessoria de imprensa, os parceiros para a construção já estão definido, mas o nome é mantido sob sigilo.
De acordo com o projeto, será alterada a redação da lei 4515 de 1975, que estabeleceu o uso da área doada à Ponte pelo município no Jardim Eulina. No texto, o prefeito Jonas reforça a utilização original prevista - de CT e clube poliesportivo, que foi cumprida no prazo de dez anos. No local, a Ponte Preta deseja construir uma Arena Multiuso. Entretanto, a cúpula alvinegra pretende explorar também atividades comerciaIs, hotel, shows, espaços culturais, empresarial, além de uma praça de estacionamento.
O executivo ressalta que a nova casa trarà à cidade geração de empregos, bem como a promoção de desenvolvimento direto social e econômico. A lei garante que assim que for sacramentada a construção do estádio, dois por cento da receita bruta da Arena serão destinados ao Fundo de Assistência ao Desporto Amador e de Investimentos Esportivos no Município de Campinas.
O projeto deve seguir para o Legislativo, que posteriormente passará por uma análise de comissão presidida pelo vereador Luiz Henrique Cirilo. A expectativa é de que, a lei entre em vigor em até dois meses. O desejo da diretoria da Macaca é construir a nova casa sem colocar um centavo no bolso.

Leia mais:
http://extra.globo.com/esporte/ponte-preta-sonha-com-aprovacao-da-arena-no-mes-de-seu-aniversario-13466134.html#ixzz39Bj43IhU

0 comentários :

Postar um comentário