Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Entrevista! O Modelo de Gestão da AAPP - Com Pedro Nicolau

Esta semana conversamos com um Gestor da nova geração do Futebol Brasileiro - Pedro Nicolau (Co-Diretor do Dpt. de Futebol) e ele nos contou um pouco do trabalho que juntamente com a Diretoria vem realizando frente da querida Associação Atlética Ponte Preta, a Macaca de Campinas.
Uma das Associações mais antigas do futebol, hoje com 114 anos, e cheia de história para contar, mas que ainda tá faltando um título para coroar essa belíssima história. No ano passado bateu na “trave” quando o Clube foi Vice-Campeão da Copa Sulamericana.
Conversamos com o Pedro justamente sobre esse trabalho de bastidores, pautado no Planejamento, que a Diretoria vem realizando para levar o Clube até o tão sonhado titulo de expressão Nacional, e também entender o quanto terá de impacto o Planejamento com a queda para a série B no ano passado.
FutGestão: Fale um pouco do atual Planejamento Estratégico do Clube
Pedro Nicolau: O planejamento estratégico da AAPP nos últimos anos foi traçado para que o clube se tornasse a quinta força do futebol paulista! Possuindo a maior torcida do interior do Brasil, perdendo apenas para times de capital e, pelo projeto audacioso do Complexo Arena Ponte Preta, a AAPP entende que tem totais condições de se consolidar como a quinta força do estado e, sendo assim, ser capaz de brigar por coisas grandes nas competições dentro dos próximos anos. Esse planejamento não mudou, apenas sofreu certo impacto com a queda para a Série B de 2014 com um considerável decréscimo nas cotas recebidas pelo clube. Acreditamos que o projeto realizado nessa temporada foi executado com pés no chão, dentro da realidade momentânea da equipe e que mesmo assim será possível ascender a Série A e dar continuidade ao planejamento anteriormente traçado.

FutGestão: Qual a relação do Dpt. Futebol com o MKT? E o quanto isso tem de importância no Planejamento?
PN: A AAPP ainda tem muito o que aprender e desenvolver no seu Departamento de Marketing, mas desde o ingresso do Diretor Eduardo Lacerda estamos desenvolvendo um excelente trabalho, buscando trazer o torcedor de volta ao estádio e buscando reforçar cada vez mais a paixão do pontepretano. Cada departamento (Marketing e Futebol) trabalha de forma independente, mas sempre que possível realizamos ações conjuntas para a promoção de jogos e da imagem do clube.

FutGestão: A situação atual do rival interfere no Planejamento da Ponte? Por quê?
PN: A situação atual do nosso rival não interfere de maneira alguma! A AAPP não baseia seu planejamento em nenhuma outra realidade que não seja a do clube. Lamentamos a "perda" da rivalidade e falta de clássicos, porém isso em nada interfere nas metas traçadas pela Ponte.

FutGestão: Como você mesmo já citou no inicio da conversa sobre a Arena Ponte, nos atualize sobre a situação da mesma e quais o benefícios que ela trará.
PN: O Complexo Arena Ponte Preta está em fase final de preparação e em breve deve sair do papel. O Prefeito de Campinas assinou no início de agosto um projeto de lei que altera a destinação da doação do CT da AAPP que antes era exclusivamente para a construção de um estádio de futebol para a construção de um complexo de Arena Multiuso. Com isso, a Ponte só aguarda a aprovação na câmara dos vereadores para ligar as máquinas e lançar a pedra fundamental. A projeção é que a construção do complexo como um todo dure 03 anos, sendo que o estádio deve ficar pronto em 02. Com esse complexo a AAPP terá participações em todos os órgãos que fazem parte do projeto, tanto da arena como de hotéis, shoppings e quaisquer outros que venham a ser parte do projeto. Sendo assim o clube não só terá a sua disposição um complexo esportivo de primeiro mundo e uma excelente estrutura para jogar e receber seu torcedor, como também terá novas fontes de receitas e poderá alavancar seu planejamento de se consolidar como a quinta força do estado de São Paulo.

FutGestão: Sabemos que os resultados dentro de campo pode comprometer qualquer Planejamento, como a Diretoria lidar com isso e como é a participação da torcida nesse processo?
PN: Certamente os resultados dentro de campo podem interferir de forma direta e indireta no planejamento, porém cabe aos dirigentes ter tranquilidade e convicção do caminho a ser seguido para que não altere completamente seu planejamento a cada ciclo de derrotas. Quanto à torcida, essa sim é o principal patrimônio do clube e deve sempre ser respeitada e ouvida, porém para que o clube possa ter seus objetivos alcançados não pode misturar paixão com razão. Dessa forma todas as decisões devem ser tomadas estrategicamente analisando quais as melhores decisões para atingir os objetivos e não se deixar levar por pressão da torcida por possíveis insatisfações.

FutGestão: Faça uma rápida análise do atual momento do futebol no Brasil
PN: O futebol brasileiro passa por uma crise de realidade. Os clubes começam a perceber que não tem condições de manter o excessivo padrão salarial traçado nos últimos anos e os atletas parecem ter percebido a força que tem quando em conjunto o que me leva a crer que num futuro próximo teremos um novo padrão de organização no Brasil. Pelo menos esse é o meu desejo, ver clubes contratando dentro de suas realidades, cumprindo com seus compromissos em dia e obtendo resultados dentro de campo.

FutGestão: Para finalizar, mande um recado para nossos leitores torcedores da Ponte!
PN: Gostaria de agradecer à oportunidade e dizer para toda a nação pontepretana que acompanha o Futgestão que a Ponte irá ascender a Série A em 2015 e logo alçará voos mais altos! Também aproveito para dizer aos "Macacos" que a AAPP apoia o Futgestão e a forma como esse meio se empenha na melhora da estrutura do futebol brasileiro. Sigam com esse trabalho sério e independente que certamente colherão os frutos merecidos.
Saudações Alvinegras,
Pedro Nicolau
​Co-Diretor de Futebol Profissional AAPP
Muito obrigado ao Pedro pela gentileza de nos atender e conceder esse longo bate papo. Toda a Equipe FutGestão deseja muito sucesso no trabalho e agradece pelas palavras de incentivo e reconhecimento ao nosso trabalho.
Saudações,
Equipe FutGestão.

0 comentários :

Postar um comentário