Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Manifesto corintiano surge após reclamação de grupo LGBT

Ação do clube teve origem em protesto de associação


Uma reclamação de uma associação que atua pelos direitos LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais) levou o Corinthians a lançar o manifesto contra a homofobia nesta sexta-feira. O incômodo do grupo era exatamente pelos gritos de “bicha” durante o tiro de meta do goleiro adversário.
Somou-se à situação o temor por possíveis retaliações do STJD, que recentemente expulsou o Grêmio da Copa do Brasil após manifestações racistas de parte da torcida. Além disso, o clube tem feito ações semelhantes justamente com o tema do racismo.
O gerente de marketing do Corinthians, Alexandre Ferreira, conversou com a Máquina do Esporte e cravou a estratégia. “Entendemos que esse era um momento bastante oportuno para falar sobre o assunto. Até agora, a aceitação foi muito boa”, avaliou.
Avaliar é exatamente o próximo passo do marketing corintiano. O manifesto foi colocado nas redes sociais, e a comunicação do clube irá medir a reação da torcida. Se a campanha for bem compreendida, a direção do time deve se limitar a essa manifestação.
Caso contrário, o clube pensará em como ampliar o assunto, a fim de que o grito no estádio cesse. Nesse caso, o Corinthians pensará em ações digitais e em ações no próprio estádio, durante as partidas.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/manifesto-corintiano-surge-apos-reclamacao-de-grupo-lgbt_27108.html#ixzz3DI2gWjcd

0 comentários :

Postar um comentário