Cabeçalho

Logotipo

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Começam eleições para presidente do America; Romário é o único candidato

Aproximadamente 350 sócios são aguardados para a votação que pode colocar o Baixinho, pela primeira vez, na presidência de um clube. "Um sonho", diz o ex-atleta


Restam poucas horas para que Romário possa ser confirmado, de forma oficial, o novo presidente do América. Por uma condição imposta pelo próprio ex-jogador ainda no início do ano, sua chapa é a única inscrita nas eleições que começaram às 8h desta terça-feira e vão terminar apenas às 19h30, no Club Municipal, situado na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro. A aclamação acontece no dia 10 de novembro.
Cerca de 350 sócios do clube, que disputa atualmente a Série B do Campeonato Carioca, são aguardados para a votação. Associado ao time rubro, o Baixinho apareceu no local para registrar seu voto por volta das 9h45 ao som do hino do clube, entoado pelos cerca de 50 torcedores que estavam presentes no momento.
- Isso aqui é a possibilidade da realização de um sonho do meu pai, que passou a ser meu também. Acho que todos nós americanos temos por obrigação colocar o America em seu devido lugar. O America tem uma história, foi um dos maiores clubes que o Brasil já teve. A gente sabe das dificuldades que o America está passando, tudo de bom e tudo de ruim. E se eu definitivamente for presidente do America, meu objetivo é fazer o America voltar, se possível ainda no meu mandado, à Série A do Brasileiro. É difícil? É. Uns dizem que é quase impossível. Mas como tudo a gente tem que trabalhar e acreditar, acho que a gente pode chegar e dar esse sabor especial de novo ao torcedor do America. É muito trabalho, muita lutar, muita dificuldade, mas a gente pode. Temos clubes aí com menos história que o America que conseguiram chegar à Série A. Por que o America não pode ser recolocado lá? - declarou ele.
Atual presidente do clube, Léo Almada será o vice de Romário. O evento atraiu, inclusive, equipes da imprensa internacional, como a Al Jazira, do Catar. Torcedora-símbolo do America, Tia Ruth, aos 90 anos de idade, já compareceu para a votação.
Tia Ruth foi votar com uma camisa estampando o futuro presidente (Foto: Chandy Teixeira)
 
- É um prazer imenso vir aqui e votar aos 90 anos. O Romário é um ídolo para mim e acho que para todo o brasileiro - disse ela.
Pouco mais de uma semana depois de ser eleito Senador da República com o maior número de votos - foram mais de 4,6 milhões - na história no Rio de Janeiro, Romário agora terá sua primeira experiência na presidência de um clube. A paixão pelo America foi herdada pelo falecido pai, Seu Edevair, que era torcedor fanático do Rubro. Em sua carreira, o ex-jogador não chegou a vestir a camisa da equipe. No entanto, mesmo depois de ter pendurado a chuteira, ele entrou em campo uma única vez como jogador do America em 2009, na partida que selou o retorno do clube à Série A do Campeonato Carioca.
Fonte: Globoesporte.com

0 comentários :

Postar um comentário