Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Copa do Brasil e Sul-Americana dão força a pontos corridos

Público ficou abaixo da média nos torneios eliminatórios


O embate entre pontos corridos e mata-mata gera discussões no mundo esportivo brasileiro há anos. Nesta semana, os defensores do atual modelo do Campeonato Brasileiro ganharam mais alguns argumentos.
Seis times da Série A entraram em campo para disputar algum torneio eliminatório nesta semana. Nenhum deles conseguiu um público maior do que a média apresentada no torneio nacional.
Ainda que se considere o tenebroso horário das 22 horas, alguns jogos tiveram diferenças significativas. O São Paulo, na Sul-Americana, levou 5,5 mil pessoas ao Morumbi. A média no Brasileirão é de 29 mil, e não houve nenhum jogo com menos de 14 mil pessoas.
Já o líder Cruzeiro enfrentou o ABC para 12 mil pessoas, quase metade do que apresenta no Brasileiro, com 23 mil de média.
Na audiência de São Paulo e do Rio de Janeiro, Corinthians e Flamengo tiveram recordes considerando a Copa do Brasil deste ano. Mas, pelo menos em São Paulo, isso não foi significativo. A audiência da quarta-feira não ficaria nem entre as dez maiores do Campeonato Brasileiro, ainda que o torneio inclua uma emissora a mais, a Bandeirantes.
As partidas da semana deveriam ter um apelo maior. Na Sul-Americana, foram os primeiros jogos com confrontos internacionais para clubes brasileiros. Já a Copa do Brasil entra na sua reta final, com duelos válidos pelas quartas de final, além de ter tido todas as partidas realizadas em estádios usados na Copa do Mundo de 2014.

Original:
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/copa-do-brasil-e-sul-americana-dao-forca-pontos-corridos_27219.html#ixzz3F5DIvWCA

0 comentários :

Postar um comentário