Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Jogadores do Espanhol asseguram salário mínimo de R$ 32,8 mil mensais

Messi, o mais bem pago da liga, recebe 130 vezes salário de 'peões' do torneio



Os atletas da primeira divisão do Campeonato Espanhol assinaram novo acordo coletivo de trabalho que prevê um rendimento mínimo de € 129 mil por ano. Isso representa cerca de R$ 32,8 mil mensais, ou 14 vezes o soldo de um trabalhador espanhol que recebe o salário mínimo local. Em um país que vive recessão econômica há seis anos, é um desnível considerável de ganhos.
Mas a própria primeira divisão espanhola reproduz a desigualdade econômica. O jogador mais bem pago do Campeonato Espanhol é Lionel Messi, do Barcelona. Por temporada, o argentino ganha € 18 milhões, ou 130 vezes mais do que um atleta que recebe o salário mínimo da primeira divisão.
Pelo acordo, os jogadores de clubes da Série B asseguraram um rendimento mínimo de € 64,5 mil/ano ou a metade do que recebem seus colegas da divisão de elite. O convênio também prevê reajuste de salários para a próxima temporada.
Pelo compromisso assinado por atletas e equipes, os jogadores conquistaram um dia e meio de folga por semana e férias de 23 de dezembro a 2 de janeiro. Pelo contrato, os profissionais não podem ter uma jornada maior do que 7 horas por dia.
Aí reside o primeiro problema, já que o Real Madrid marcou amistoso contra o Milan, em Dubai (Emirados Árabes) para dia 30 de dezembro, para satisfazer pedido da companhia aérea Emirates, sua patrocinadora principal. Para desobedecer o acordo coletivo, o time madrilense terá que negociar as “horas extras” diretamente com seu elenco.

Original:
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/jogadores-do-espanhol-asseguram-salario-minimo-de-r-328-mil-mensais_27249.html#ixzz3FkQX9G20

0 comentários :

Postar um comentário