Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Penalty lançará novo uniforme do São Paulo em dezembro


 
A Penalty prepara para dezembro o lançamento do novo uniforme do São Paulo e uma camisa em homenagem a Rogério Ceni. A iniciativa da fabricante de material esportivo sinaliza que o acordo com o clube se estenderá ao menos até o meio de 2015. Nas últimas semanas, o São Paulo tentou uma rescisão amigável com a marca, cujo contrato vai até o fim do próximo ano. Apesar das novidades, o clube mantém as negociações com três marcas para substituir a Penalty: Puma, Adidas e Under Armour.
Sempre ele
No 1 Seminário Nacional das Embaixadas do Peixe, ocorrido ontem, em Santos, Pelé foi o centro das atenções como sempre. Além de ressaltar o programa de sócio-torcedor do clube e os benefícios do Movimento por um Futebol Melhor, o Rei do Futebol teve a camiseta que estava usando do Movimento leiloada por R$ 12 mil, valor que irá para a Unicef.
Cadeira cativa
Após eternizar as tabelinhas com Pelé em campo nos anos 60, o ex-centroavante Coutinho vai conhecer o Museu Pelé pela primeira vez na próxima terça-feira, 21. Na ocasião, participará de uma mesa-redonda ao lado dos ex-companheiros de ataque Dorval, Mengálvio e Pepe. Ele irá ao espaço turístico de cadeira de rodas por conta de uma crise de diabetes, que o impediu de ir na inauguração do museu, em junho.
Tênis tecnológico
Após um ano e nove meses de desenvolvimento, a Fila lança oficialmente amanhã, durante a Maratona de São Paulo, o tênis Kenya Ribbons. Desenvolvido no laboratório de biomecânica da empresa em Ivoti-RS, o modelo tem oito tecnologias patenteadas pela marca e foi testado e aprovado por corredores quenianos da equipe Fila. O produto custará R$ 400 é visa consolidar a marca no mercado de corridas de rua no Brasil.
Nas redes sociais
Os candidatos a presidente do Vasco realizaram encontros com executivos que são sócios do clube para apresentar propostas e buscar apoio para suas campanhas. Em um deles, com vascaínos do BNDES, os vídeos das apresentações foram para o YouTube. Se o pleito do próximo dia 11 considerar o número de visualizações, o candidato Julio Brant vencerá com folga com 5.639 views. Já Roberto Monteiro tem 337 visualizações e Nelson Rocha ainda menos, apenas 150.
Convite recusado
Segundo organizadores dos encontros de candidatos com grupos de sócios vascaínos, Eurico Miranda, um dos favoritos no pleito, também foi convidado. Entretanto, o ex-presidente do clube recusou o convite explicando que não precisava fazer apresentações pois a proposta de governo para o clube é ele próprio.
Na crista da onda
Com apenas 20 anos e perto de ser o primeiro brasileiro campeão mundial de surfe, Gabriel Medina já é considerado um atleta bem-sucedido por 38% das pessoas, segundo dados do estudo N-Score, da Nielsen Sports. O índice é o mesmo da campeã olímpica Maurren Maggi. Já entre os mais familiarizados com o surfista, 66% delas o relacionam com o atributo confiança.
Faz–Tudo
O ex–árbitro Sálvio Spínola falou ontem em um evento na OAB, em São Paulo, sobre o nível da arbitragem brasileira.
Ele, que já foi da FIFA, comparou as atribuições de um juiz no Brasil com as de um profissional na Copa do Mundo.
Irônico, disse que a única responsabilidade do árbitro na Copa é aplicar as regras do futebol.
Já no Brasil, seguiu Spínola, o juiz tem que tomar conta de quase todos os aspectos que cercam uma partida como gandulas, torcida, iluminação e imprensa.
Segundo o ex-árbitro, a situação é tão bizarra que certa vez, em uma partida no interior de SP, ele se preparava no vestiário quando o chefe da PM bateu na porta.
– Salvio, tem um torcedor lá fora querendo falar com você. Diz que tem direito a meia-entrada mas o bilheteiro não vende pra ele – teria dito o policial

De Letra
“O Corinthians sempre me deu muitas alegrias”
Pelé, ao comentar a goleada sofrida pelo Timão para o Atlético-MG, durante evento das embaixadas realizado ontem em Santos.
Fonte: Lance Bizz

0 comentários :

Postar um comentário