Cabeçalho

Logotipo

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Bicampeão da Série C do Carioca, CFZ é desfiliado da Federação do Rio

Equipe foi fundada em 1996 e não faz mais parte do quadro da FFERJ


O CFZ foi desfiliado, nesta segunda-feira (17), dos quadros da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro. Afastado das competições estaduais desde 2011, o time da Zona Oeste não disputará a próxima edição da Segunda Divisão e, por ter se licenciado por mais de três anos seguidos, deixou as atividades no futebol profissional. O clube pediu seu afastamento por razões econômicas, no último dia 12, e anunciou o fim de suas atividades.

A equipe foi fundada por Zico, ídolo do Flamengo, em 1996, e teve no currículo dois títulos estaduais da Terceira Divisão, em 1997 e 2004. O CFZ - cujo primeiro nome foi Rio de Janeiro - esteve perto de conquistar o acesso à elite do futebol carioca em 2001, quando foi vice da Série B. Na ocasião, o Entrerriense - outro clube atualmente afastado dos torneios profissionais - saiu campeão.

Na base, mais glórias: foram três títulos de juniores na Série B (1999, 2000 e 2002) e dois do Torneio Octávio Pinto Guimarães (1999 e 2000). No mesmo, a equipe foi campeã carioca sub-17. No CFZ, destacaram-se ainda as parcerias que trouxeram jogadores japoneses para um período de intercâmbio, ainda nos primórdios. Vestiram a camisa azul e branca nomes como o atacante Suzuki, que jogou a Copa do Mundo de 2002, e o volante Nozawa, hoje no Kashima Antlers (JAP).
 

Entre os jogadores que já vestiram a camisa do clube do Recreio, destacam-se os goleiros Gatti, Mota, Andrade, Ciarelli e Borges, zagueiros Cadão, Gélson Baresi, Dão e André Paulino, os laterais Valkmar e Victor Boleta, os meias Luciano Netter, André Gomes, Thiago Abreu, Thiago Marin e Tiano, além dos atacantes Sorato, Ézio, Pipico, Bruno Andrade, Alexandre Calango e Alysson. Jayme de Almeida, Andrade e Adílio também tiveram a oportunidade de treinar o time, além do próprio Zico.

O CFZ tem ainda duas filiais, uma em Brasília (DF) e outra em Imbituba (SC).
Fonte: Futrio.net

0 comentários :

Postar um comentário