Cabeçalho

Logotipo

sábado, 8 de novembro de 2014

O Desafio do Gestor de Futebol no Brasil

Por Fernando Santos – Atleta de Futebol

Há pouco tempo alguns clubes brasileiros perceberam que precisavam de um profissional em gestão para que em conjunto com outros setores do futebol pudessem torná-lo o mais profissional possível.
Diante de alguns fracassos recentes tanto na seleção brasileira como na gerência de alguns clubes, o pais do futebol percebeu a urgência de acelerar esse processo de profissionalização do futebol.
Mesmo diante de problemas tão relevantes ainda existe grande preconceito com o gestor e com a autonomia que lhe deve ser dada.
É inadmissível que grandes clubes do Brasil ainda cometam erros jurídicos, a exemplo da inscrição de alguns atletas sem condição de jogo quando estavam supostamente suspensos;ou estratégicos como a falta de exploração do departamento de marketing que se apresenta como um dos setores mais importantes do futebol para captação de receitas e divulgação da marca.
É um absurdo que os mesmos clubes que movimentam milhões de reais e fazem a alegria ou tristeza de milhões de torcedores apaixonados por esse esporte são os mesmos que reiteradamente comentem erros que podem levar as equipes a punições das mais variadas e até um possível rebaixamento.
Que somos os melhores, não tenho duvidas ! porque mesmo com todas essas dificuldades ainda fazemos os melhor que todo o mundo!
Mas apesar de tudo O Futebol corre em nossas veias, nos excita de uma forma quase sexual, nos alegra nos dias mais adversos, une pessoas de todas as classes e credos (é triste não poder citar raça porque preconceito racial ainda existe em nosso país), é capaz de nos fazer esquecer ainda que por noventa minutos as tristezas e dificuldades que acompanham a maior parte do povo brasileiro.
Esses são alguns poucos fatores dentre tantos outros que nos motivam a AMAR INCONDICIONALMENTE e NUNCA desistir deste esporte que nos encanta e sempre encantou.

0 comentários :

Postar um comentário