Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Penalty já vendeu mais de 20 mil camisas de Rogério Ceni

Apesar das polêmicas, artigo faz sucesso entre os torcedores


Em meio à polêmica entre São Paulo, Rogério Ceni e Penalty sobre o lançamento de um uniforme para o goleiro usar em seu último jogo pelo clube, surgiu um novo problema. Os torcedores não param de comprar o modelo, mesmo que ele ainda não tenha sido oficialmente apresentado.
Segundo a Máquina do Esporte apurou, a camisa de “despedida” de Ceni, que foi colocada em pré-venda e ofertada a lojistas, já teve 20 mil peças vendidas. O número não é confirmado pela Penalty, que não vai comentar o assunto após a polêmica em torno da camisa.
O sucesso das vendas é mais um ingrediente no complicado enredo que se formou depois que a Penalty convocou uma entrevista coletiva à imprensa para apresentar o uniforme.
O evento, que aconteceria na última terça-feira, foi cancelado depois de clube e jogador iniciarem uma “batalha” contra a marca por causa da divulgação do evento sem ter sido consultados. A repercussão na mídia, de que o evento seria a confirmação de que Ceni se aposenta no fim do ano, gerou revolta no São Paulo e no atleta, que ainda não está totalmente decidido sobre o final da carreira.
Como o uniforme está tendo bastante procura, São Paulo e Rogério também perdem dinheiro com um eventual cancelamento de seu lançamento. A estimativa é de que a camisa possa gerar R$ 4 milhões em vendas.
Atualmente, as três partes têm discutido o que podem fazer para superar a crise e manter o planejamento inicial. Uma alternativa estudada no momento é fazer com que a camisa seja usada apenas no último jogo de Rogério, mesmo se ele não vier a acontecer neste ano.

Original:
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/penalty-ja-vendeu-mais-de-20-mil-camisas-de-rogerio-ceni_27485.html#ixzz3KANBgrv8

0 comentários :

Postar um comentário