Cabeçalho

Logotipo

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Análise: Orlando City e ESPN escancaram diferenças entre Brasil e EUA

Leia a opinião de Duda Lopes sobre os desafios do futebol americano e o futebol nos EUA

Estados Unidos e Brasil compartilham uma série de fatores culturais em comum, muito pela enorme influência do país mais rico do mundo. Ainda assim, quando se trata de esporte, há um abismo entre as duas nações, algo que um mundo mais globalizado e conectado tem, aos poucos, derrubado.
O crescimento da NFL no Brasil é, sem dúvida, impressionante. No entanto, a presença do futebol americano no país ainda é discreta. Na sua prática, não há nem mesmo nichos, como acontece com o rúgbi. Fica então a dúvida: Até onde c chegará a ESPN com a modalidade?
Essa é exatamente a mesma questão que se levanta quando o Orlando City se arrisca nesse mercado. Nesse caso, há a vantagem de um país muito mais desenvolvido no campo esportivo. Ainda assim, é difícil imaginar um americano pulando no concreto para assistir a uma partida de soccer. Pelo menos nesse primeiro momento.
Por parecer improvável, o desafio de ambas as partes será bastante intenso. O lado bom é que, em seus meios, os dois sabem exatamente qual caminho deve ser percorrido. E, por isso mesmo, os resultados já são visíveis.
Pensando no mercado esportivo, será importante que o intercâmbio seja bem sucedido. Pelo lado dos brasileiros, a questão é obvia: Nós temos muito que aprender com o modo que o americano pensa o esporte. Para quem trabalha na área, estudar a NFL é, há muito, uma obrigatoriedade. Para os americanos, o multiculturalismo que envolve o futebol sempre será sempre bem-vindo no rico e heterogêneo mercado esportivo deles.

Original:
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/analise-orlando-city-e-espn-escancaram-diferencas-entre-brasil-e-eua_27735.html#ixzz3PZJwEcA9

0 comentários :

Postar um comentário