Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 9 de março de 2015

Líderes, Adidas e Nike voltam a apostar em chuteira preta

Principais fabricantes do mercado investem em modelo tradicional, quase "aposentado" na Copa


A chuteira colorida ficou tão comum no futebol que, durante a Copa do Mundo, apenas um jogador usou um modelo preto (o goleiro do Irã). Agora, as duas maiores empresas de material esportivo, Nike e Adidas, decidiram seguir o caminho inverso e apostar no retorno da chuteira preta aos gramados.
A primeira iniciativa com maior ênfase aconteceu no fim de 2014, quando a Nike anunciou um uma chuteira preta para seu principal astro: Cristiano Ronaldo. O português já calçou rosa, dourado e até um modelo estilo “zebra”, dos mais extravagantes possíveis. Dessa vez, apostou no “pretinho básico”.
Recentemente, o modelo escuro voltou às câmeras nos gramados do mundo porque a própria Nike fez uma nova chuteira preta. Dessa vez, o homenageado foi o italiano Franceso Totti, grande ídolo da Roma.
E o que seria uma iniciativa da Nike acabou sendo seguida pela principal concorrente, a Adidas. Na última semana, a marca alemã lançou uma nova linha de chuteiras. Na verdade, trata-se dos modelos já usados pela marca; a novidade foi mesmo a coloração, preta. Com marcas em relevo, é difícil até de ver as icônicas três listras.
Essa não foi a primeira vez da empresa alemã. Um mês antes, a Adidas já tinha apresentado outros calçados com a mesma característica. A diferença da marca alemã é que seus lançamentos foram dedicados exclusivamente aos consumidores.
Até agora, os atletas patrocinados, como Messi, Kaká e Özil ainda não abriram mão das cores para entrar em campo. Se, no final dos anos 90, a Nike revolucionou o mercado com as chuteiras prateadas, agora a aposta das fabricantes volta a ser no modelo preto.

Original:
http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/lideres-adidas-e-nike-voltam-apostar-em-chuteira-preta_27981.html#ixzz3TvsgFhXs

0 comentários :

Postar um comentário