Cabeçalho

Logotipo

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Cruzeiro lança livro sobre taças históricas ganhas pelo clube

Obra, que conta com depoimentos e fotos inéditas, lembra títulos brasileiros e internacionais

O Cruzeiro lançou na terça-feira (dia 22), o livro “Nossa Sala de Troféus”, escrito pelo superintendente de futebol, Sérgio Santos Rodrigues, que contou com o auxílio dos jornalistas Alexandre Horta e Gustavo Nolasco.
“Tive essa ideia no dia do jogo contra o Atlético-PR, quando levamos o troféu da Taça Brasil de 1966, que está completando 50 anos. Vi o tanto que os torcedores gostaram de ficar próximo de nossas taças. Daí, veio a ideia de reunir isso tudo e levar para dentro da casa do nosso torcedor. O livro tem histórias muito bonitas”, afirmou Rodrigues.
A obra contempla os 95 anos de história do Cruzeiro e as várias conquistas do clube mineiro, entre as quais, duas Libertadores, duas Supercopas da Libertadores, quatro troféus da Copa do Brasil e quatro do Brasileirão.
“Pegamos personagens da época envolvidos nas conquistas, como jornalistas, dirigentes e jogadores para contar histórias inéditas. Então, está bem bacana o livro, ilustrado por mais de cem fotos. Algumas delas que não tinham sido publicadas em lugar nenhum”, disse o dirigente cruzeirense.
Ídolos como Raul, Dirceu Lopes, Piazza, Ademir, Nonato, Ricardinho, Marcelo Ramos, Alex, Dida e Fábio estão presentes na obra. O livro também conta com o depoimento de todos os presidentes que dirigiam o clube na época das conquistas: José Francisco Lemos Filho, César Masci, os irmãos Alvimar e Zezé Perrella e Gilvan de Pinho Tavares.
O evento aconteceu no Itatiaia Rádio Bar, no bairro do Carmo. No evento, além da presença dos autores, o clube disponibilizou a exposição das taças retratadas no livro.
“Se pensarmos bem, as taças são o fim maior da nossa atividade. Erguemos estruturas, montamos elencos e entramos em campo para ganhá-las. Nosso objetivo agora é que elas possam sair da nossa sala de troféus do Barro Preto e ocupar as salas de estar dos cruzeirenses”, comentou Rodrigues.

0 comentários :

Postar um comentário