Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Universidade Brasil oficializa acordo com Flamengo

Empresa já tinha contratos com o Corinthians e com a seleção brasileira

Após um anúncio tímido nas redes sociais do time, na última semana, a Universidade Brasil se manifestou oficialmente no sábado (01) e confirmou o patrocínio ao Flamengo, em acordo válido até o final deste ano. Com o novo acordo, a empresa garante o aporte à seleção brasileira e às duas maiores torcidas do Brasil; o Corinthians já havia anunciado a companhia como parceira.
Os patrocínios no esporte foram a aposta para a empresa conseguir se nacionalizar. A Universidade Brasil tem menos de um ano de existência; o anúncio de seu surgimento foi em outubro de 2016. A empresa pertence à Uniesp e é, na verdade, a continuidade da Universidade Camilo Castelo Branco, com 12 mil alunos.
Segundo a Máquina do Esporte apurou, a aposta no esporte é tão alta que a companhia até dividiu profissionais específicos para cuidar de cada patrocínio. Mesmo com foco bem claro em questões sociais, com a democratização do ensino, as três propriedades, Corinthians, Flamengo e seleção brasileira, têm suas particularidades em ativações.
No caso flamenguista, o foco em pessoas com baixa renda ficou claro. A empresa oferecerá bolsa de 50% de desconto a torcedores, tanto em cursos presenciais quanto em cursos à distância. Aqueles com rendimento financeiro inferior a dois salários mínimos poderão ter bolsas integrais.
Há também a distribuição de bolsas que se multiplicam conforme os gols do Flamengo, as vitórias do time e até mesmo o número de rodadas que o time fica na liderança de algum torneio. Os descontos são espalhados a torcedores e também a funcionários do clube carioca.
A iniciativa é parecida com o que a Universidade Brasil fará com o Corinthians, com o auxílio de ONGs associadas ao time paulista para atender jovens carentes.
A grande diferença, no caso corintiano, é o projeto de criar uma universidade dentro da Arena Corinthians. Ao ser apresentada oficialmente no clube, o presidente do time, Roberto de Andrade, afirmou que o projeto não é simples, mas que ele deverá, de fato, sair do papel.
Na seleção brasileira, a grande ativação até o momento é a implementação de escolas de futebol do time nacional. Em março, a Universidade Brasil anunciou que estava em negociação com 20 municípios para tocar o projeto, chamado de “CBF School”.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/universidade-brasil-oficializa-acordo-com-flamengo_32763.html#ixzz4lmNtq6o7

0 comentários :

Postar um comentário