Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Paraguai se junta a Uruguai e Argentina para tentar sediar Copa 2030

Trio sul-americano tem como trunfo o centenário do Mundial no Uruguai, em 1930

Argentina e Uruguai já tinham se acertado para concorrerem em conjunto à Copa do Mundo de 2030. Nesta quinta-feira (31), porém, a dupla virou trio. O Paraguai se uniu aos vizinhos sul-americanos e tentará sediar um Mundial pela primeira vez na sua história.
O anúncio veio pelo Twitter oficial do presidente paraguaio, Horacio Cartes, após uma reunião com o presidente da Conmebol, o também paraguaio Alejandro Domínguez. "Confirmo que já estamos de acordo os presidentes de Paraguai, Argentina e Uruguai para disputar a candidatura do Mundial de Futebol de 2030", afirmou Cartes na rede social.
A intenção inicial é de que apenas a capital Assunção seja utilizada. É provável que o estádio escolhido seja o "Nueva Olla", do Cerro Porteño, que foi reinaugurado há poucos dias após três anos de reformas e é o mais moderno do país, com 45 mil lugares. Ainda há a possibilidade de que, até 2030, o Defensores del Chaco, estádio mais tradicional e conhecido do Paraguai, seja reformado.
A entrada do Paraguai se dá na semana em que Argentina e Uruguai pretendiam lançar a candidatura de forma oficial. Nesta quarta-feira (30), um dia antes dos dois países se enfrentarem em Montevidéu pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, estava previsto que Mauricio Macri, presidente argentino, ao lado de Lionel Messi, e Tabaré Vázquez, acompanhado de Luis Suárez, fariam o lançamento.
O evento, no entanto, foi adiado, porque os presidentes da Conmebol, Alejandro Domínguez, e da Fifa, Gianni Infantino, pediram para estar presentes. Uma nova data será marcada para o início de outubro.
Apesar disso, uruguaios e argentinos não querem deixar passar a chance de promover a candidatura no encontro entre os dois países nesta quinta-feira (31). Há a possibilidade de Messi e Suárez entrarem em campo com camisas comemorativas.
O principal trunfo da agora candidatura tripla dos sul-americanos é a comemoração do centenário da Copa do Mundo de futebol que se dará em 2030. O primeiro Mundial foi disputado no Uruguai, e a ideia é que o país, dessa vez, ao lado dos vizinhos, receba mais uma vez o torneio 100 anos depois. Até agora, apenas essa candidatura existe para 2030. A China começa a se movimentar com a intenção de fazer uma proposta oficial, e há quem aposte que a sede será um país europeu.
Vale lembrar que nem a sede do Mundial de 2026 está definida. Estados Unidos, Canadá e México, também em uma tripla candidatura, duelam com o Marrocos. Já as duas que estão mais próximas foram escolhidas faz tempo: 2018 na Rússia, e 2022 no Qatar.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/paraguai-se-junta-uruguai-e-argentina-para-tentar-sediar-copa-2030_33110.html#ixzz4rR6gdXht

0 comentários :

Postar um comentário