Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Em festa, Paraná deixa torcedor escolher preço de ingresso

Partida já teve entrada vendida a R$ 40 mil para um empresário

“Quanto vale?” é a pergunta que faz o Paraná Clube aos seus torcedores. O valor em questão se refere ao preço do ingresso para a partida contra o Boa Esporte, no próximo sábado, mas tem um significado mais especial: o time voltou à Série A do Campeonato Brasileiro após dez anos de ausência.
Para o jogo, que será realizado no estádio Couto Pereira, do Coritiba, o torcedor poderá pagar quanto quiser pela entrada. Há apenas um entrave: a CBF impede, por regulamento, jogos com entrada a menos de R$ 20 na Série B. Desse valor para cima, o fã do time decide o quanto irá gastar.
O clube lançou uma campanha em vídeo, nas redes sociais da equipe, para indicar que a partida não será apenas mais uma. O jogo será a festa pelo retorno da equipe à Série A, e, portanto, o Paraná perguntou: “Quanto vale fazer renascer o orgulho que adormecia no peito de tanta gente?”.
Em conversa com a Máquina do Esporte, o vice-presidente do Paraná, Christian Knaut contou que a ideia era presentear o torcedor e mais uma vez resgatar o orgulho ao time. “Nós queremos ir na contramão de outros clubes, que no momento de festa sobem os preços dos ingressos. Nós deixamos os próprios torcedores escolherem o valor”, afirmou.
Na prática, o clube deverá faturar alto com a ação. Na quarta-feira (22), longas filas se formaram nas bilheterias e, assim como já aconteceu em partida do Paraná na Arena da Baixada, o público deverá ficar na casa dos 40 mil pagantes.
Somente com o ingresso mínimo, o Paraná garantiria R$ 800 mil de bilheteria, mas o clube não tem qualquer previsão do quanto será arrecadado na partida. Knaut revelou que já houve um ápice nas vendas de ingresso: um empresário de Curitiba resolver abraçar a ação e comprou uma única entrada por R$ 40 mil. 
No Couto Pereira, o Paraná planeja festa ainda maior do que a realizada na Arena da Baixada. No estádio do Atlético, o time bateu recorde de público do local em evento com mosaico e recepção com fogos. Os detalhes para o evento de sábado, no entanto, o clube ainda mantém em segredo.
Apesar da festa nos estádios dos rivais regionais, o Paraná não quer fazer partidas fora de sua casa ao longo de 2018. O time mandará os seus jogos na Vila Capanema, com capacidade para 20 mil pessoas. O motivo é esportivo: na atual Série B, o time detém a melhor campanha como mandante do torneio. Na divisão principal do futebol brasileiro, por outro lado, os tíquetes serão mais altos graças à regra da CBF de entrada mínima a R$ 40.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/em-festa-parana-deixa-torcedor-escolher-preco-de-ingresso_33528.html#ixzz4zNDpQSGw

0 comentários :

Postar um comentário