Cabeçalho

Logotipo

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

SPORTING QUER QUE FEDERAÇÃO PORTUGUESA RECONHEÇA PRIMEIROS TÍTULOS PORTUGUESES

Clube seria o maior beneficiado pela mudança, uma vez que saltaria de 18 para 22 conquistas

“Em 2021, Portugal celebra 100 anos de campeonatos nacionais. A lógica seria: 100 anos, 100 campeões. Mas há quem defenda que deverão ser apenas 87.”


Extraída do manifesto “Um País sem Memória está Irremediavelmente Perdido”, esta frase define a campanha “Em Defesa da Verdade Desportiva”, lançada pelo Sporting para que a Federação Portuguesa de Futebol reconheça os títulos nacionais do Campeonato de Portugal, disputado entre 1921/22 e 1937/38, e que foi substituído por Campeonato Nacional da 1ª Divisão em 1938/39.

Sporting seria o maior beneficiado pela necessária mudança, uma vez que saltaria de 18 para 22 campeonatos conquistados. Porto (de 27 para 30) e Belenenses (de 1 para 4), também teriam novas taças oficiais em suas histórias.



Em seu Facebook, Bruno de Carvalho, presidente dos Leões, abordou o tema. “A história centenária do futebol português não pode ser reescrita nem alterada, ainda para mais quando as competições foram disputadas com lealdade e cumprindo com todos os regulamentos. Podem demorar o tempo que quiserem que a verdade não pode ser adulterada, ou seja, o Campeonato de Portugal (entre 1922 e 1938) era, como aliás está inscrito no site da Federação Portuguesa de Futebol e reconhecido pelos jornais da época, a competição que servia para apurar o campeão nacional de futebol”.

Fonte: MKT Esportivo

0 comentários :

Postar um comentário