Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Copa do Brasil começa com premiação recorde e recheada de patrocinadores

Torneio supera de longe dinheiro distribuído no Brasileirão e na Libertadores

A Copa do Brasil 2018 começa nesta terça-feira (30) e, com ela, o sonho de um título e de uma vaga na Copa Libertadores de 2019. Ao todo, serão 91 times com chances de levantar a taça e, em tempos de crise, levar uma bolada impressionante para casa.
Este será o ano em que a competição vai distribuir mais prêmios em toda a sua história, iniciada em 1989. O campeão pode receber até R$ 68,7 milhões. Para se ter uma ideia do salto na premiação do torneio, o campeão de 2017, o Cruzeiro, recebeu “apenas” R$ 13,3 milhões.
“Em termos de premiação por desempenho, a Copa do Brasil será a principal competição a partir de 2018. Serão R$ 50 milhões destinados ao campeão, outros R$ 20 milhões ao vice-campeão, R$ 8 milhões aos clubes semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de final, valores sem precedentes na América do Sul. Somando as cotas das fases anteriores ao prêmio pelo título, o campeão pode faturar até R$ 68,7 milhões, considerando que participe desde a primeira fase”, afirmou uma nota divulgada pela CBF no último mês de dezembro.
O comparativo com as outras duas principais competições do calendário também é impressionante. Se forem somadas as premiações dos 16 primeiros colocados do último Campeonato Brasileiro, em 2017, o valor final é de R$ 63,7 milhões, ou seja, R$ 5 milhões a menos do que o campeão da Copa do Brasil 2018 pode levar para casa.
Até na disputa com a Libertadores, que engloba todo o continente, a Copa do Brasil sai vitoriosa. Na edição de 2017, o campeão Grêmio embolsou R$ 24,7 milhões, quase um terço a menos do que o próximo campeão da Copa do Brasil pode ganhar.
Com tanto dinheiro envolvido, boa parte dele por conta de um novo contrato de direitos de televisão assinado pela CBF, é de se supor que os clubes darão mais valor à competição, inclusive colocando-a como prioridade.
Esse caminhão todo de dinheiro também atraiu uma série de patrocinadores para a edição de 2018. Ao todo, já são 11. Os naming rights são da fabricante de pneus Continental, enquanto Elo e Bodog ficaram com as duas cotas máster. O “time” ainda conta com Bivik Jeans, Icatu Seguros, Maratá, Pitú, Potencial, Quartzolit, Sicredi e Wise Up.
O torneio tem início nesta terça-feira (30), às 20h, horário de Brasília, no duelo entre Vitória da Conquista-BA e Boa Esporte-MG. Entre terça (30) e quinta (1), times como Atlético-PR, Fluminense, Internacional, Paraná e São Paulo já estarão em campo.
Nesta primeira fase, participam 80 equipes. Elas vão se enfrentando em esquema mata-mata até que sobrem apenas cinco. A essas cinco, somam-se outras 11 para a fase de oitavas de final, sendo as oito da Libertadores (Chapecoense, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Grêmio, Palmeiras, Santos e Vasco), o campeão da Série B (América-MG), o campeão da Copa Verde (Luverdense) e o campeão da Copa do Nordeste (Bahia). A partir daí, segue o mata-mata até a final.


0 comentários :

Postar um comentário