Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Em apresentação de agência, Ferj tenta ressuscitar Carioca

Esportecom tocará o torneio pelas próximas quatro temporadas

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) mostrou esforços para tornar o Campeonato Estadual forte novamente. Após anos de esvaziamento dos estádios e descaso dos times, a entidade lançou a edição de 2018 com pompa, patrocinadores e até a presença de Pelé como embaixador da disputa.
Na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, a Ferj quis mostrar uma imagem renovada. O plano, nas palavras do presidente Rubens Lopes, é “potencializar a marca, encher os estádios e trazer as famílias de volta”.
O evento foi esforço da agência Esportecom, que assumiu a gestão do torneio pelos próximos quatro anos. “A competição irá surpreender o mercado com modernas propriedades de marketing, que unificarão patrocinador, campeonato, público e cidade em uma ação sem precedentes no mercado do futebol nacional”, afirma a empresa em seu site.
O grande destaque do evento foi Pelé, que entrou nos palcos com um andador. Em dezembro, o ex-jogador chegou a usar cadeiras de rodas em evento da Fifa para a Copa do Mundo. Sua função ao longo do Campeonato, no entanto, não foi explicada.
Para lançar o torneio reformulado, a organização apostou na série de patrocinadores fechados para o Estadual. Foram 17 marcas expostas, que ficarão com placas publicitárias na competição fluminense. Cerpa, Wise Up, Topper entre outras tiveram exposição no evento de lançamento.
A Ferj aposta na valorização da Taça Guanabara e da Taça Rio para a classificação à fase final. Há também mudanças menos comuns, como a possibilidade de um banco de reserva de até 12 jogadores e substituição de cinco atletas por time. Outra aposta é no árbitro em vídeo, mas sem interrupções nas partidas.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/em-apresentacao-de-agencia-ferj-tenta-ressuscitar-carioca_33791.html#ixzz54R96JeF6

0 comentários :

Postar um comentário