Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 11 de abril de 2018

GOVERNO REJEITA PEDIDO DO WEST BROMWICH PARA SETOR SEM CADEIRAS NO ESTÁDIO


Clube inglês alega que boa parte dos seus torcedores estão insatisfeitos em ter que assistir aos jogos sentados


West Bromwich Albion bem que tentou, mas o governo rejeitou o pedido para a implementação de um setor para que seus torcedores possam assistir aos jogos de pé (ou “safe standing“) no Hawthorns a partir da próxima temporada.


Segundo a BBC, o planejamento envolvia a conversão de 3.6 mil assentos localizadas no Smethwick Endem cadeiras que poderiam ser travadas em uma posição vertical, sistema semelhante ao utilizado nos trens do país e também por equipes como o Celtic e Hoffenheim.
Importante lembrar que a atual lei vigente no futebol inglês exige que os estádios tenham assentos para todos os torcedores. Ela foi introduzida seguindo as recomendações feitas no Relatório Taylor após o desastre de Hillsborough, em 1989, que custou a vida de 96 torcedores do Liverpool.

Se por um lado o West Brom alega que sua proposta foi baseada em preocupações de segurança, já que os torcedores estão insatisfeitos em ter que acompanhar os jogos sentados, Tracey Crouch, Ministro do Esporte, ratifica que não há planos para mudar tal política no futuro. O diretor de operações do clube, Mark Miles, deu seu parecer sobre a decisão.

“Acho que o ministro tem uma visão muito limitada e está impedindo o clube de criar um ambiente mais seguro para os torcedores”, comentou em entrevista para a BBC. “A política de todos os lugares foi desenvolvida há mais de 25 anos e o futebol é um lugar muito diferente agora”, completou. Desapontado, o dirigente pedirá uma revisão do posicionamento. O West Bromwich é o atual último colocado da atual Premier League.

Os clubes escoceses, como o Celtic, não estão sujeitos à legislação que afeta o futebol inglês. No caso da equipe de Glasgow, desde 2016 existem 2.6 mil assentos que podem ficar na posição vertical no Celtic Park liberando assim o espaço para os torcedores. Tal prática já fez com que vários gigantes da Inglaterra visitassem o estádio para aprender com a experiência.



Fonte: MKT Esportivo



0 comentários :

Postar um comentário