Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Adidas “desvia” de própria estratégia e fecha com Wolverhampton


Marca alemã será patrocinadora dos campeões da segunda divisão inglesa


A Adidas será a nova patrocinadora do Wolverhampton Wanderers, mais conhecido como Wolves, a partir da próxima temporada. O clube acaba de ser promovido à Premier League, após conquistar o título da EFL (English Football League), a segunda divisão inglesa.
Dessa forma, a alemã Adidas substituirá a compatriota Puma, que foi a fornecedora de material esportivo do clube nas últimas cinco temporadas. A marca das três listras será responsável pelos uniformes de jogo e também de treino dos Wolves pelas próximas quatro temporadas. Os valores do contrato não foram divulgados.
“Esta é uma parceria extremamente significativa para o clube, já que buscamos não apenas levar nossa marca de futebol para a Premier League, mas também levar a marca dos Wolves para uma audiência global. A Adidas é a maior marca de futebol do planeta. Eles têm uma qualidade e integridade de marca que sabíamos que correspondiam ao nosso desejo de alcançar fãs em territórios diferentes”, declarou Lauri Dalrymple, diretor administrativo do Wolverhampton.
“Depois de uma temporada incrível e um merecido retorno à primeira divisão, temos o prazer de confirmar uma parceria de longo prazo com o Wolverhampton Wanderers. O clube está olhando para o futuro com grandes ambições e nos sentimos animados para fazer parte de sua jornada”, afirmou o diretor de clubes da Adidas no Reino Unido, Ashley Swain.
A entrada da Adidas em um clube de pequeno para médio porte da Inglaterra mostra um certo “desvio” na estratégia que a marca tem adotado ultimamente.
Nos últimos meses, a Adidas deixou de patrocinar uma série de times de porte parecido aos Wolves, entre eles Newell’s Old Boys (Argentina), Betis, Osasuna e Real Sociedad (Espanha) e Middlesbrough e Nottingham Forest (Inglaterra).
Isso porque a estratégia tem sido focar nos clubes de maior porte já patrocinados pela empresa, como River Plate (Argentina), Ajax e Feyenoord (Holanda), Bayern de Munique (Alemanha), Juventus (Itália), Manchester United (Inglaterra), Real Madrid (Espanha) e Flamengo, além de tentar fechar com outros de grande expressão, como o São Paulo.
Vale lembrar, no entanto, que a marca não conseguiu manter todos os clubes que queria e perdeu alguns de grande porte para a própria Puma, como Milan (Itália), Olympique de Marseille (França) e Valencia (Espanha), além do Palmeiras, cujo contrato termina apenas no final do ano.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/adidas-desvia-de-propria-estrategia-e-fecha-com-wolverhampton_34474.html#ixzz5F1QH19WZ

0 comentários :

Postar um comentário