Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 13 de junho de 2018

GOLEIRO CONVOCADO ASSINA PRODUÇÃO DA COCA-COLA PARA A ISLÂNDIA


Hannes Thór Halldórsson, que defenderá a seleção no Mundial, foi o responsável pela produção da campanha


Você soube por aqui que para a Copa do Mundo 2018 a Coca-Cola ativou o conceito “Quem dá o gás para quem dá o gás” e mostra como as palavras de incentivo são importantes antes das seleções entrarem em campo e das pessoas encararem desafios.


Com um discurso global, a empresa apresentou em seu vídeo diversos países e discursos em diferentes línguas. Por estratégia, cada mercado ganhou cenas locais adaptadas em suas versões. Para nós, a Islândiatem se destacado pela qualidade visual dos seus esforços de marketing e, através da gigante de refrigerantes, ganhou uma versão espetacular.

Intitulada “Saman” (que significa “juntos”), a Coca-Cola aproveitou o “hino de guerra” conhecido da torcida local, que foi apelidado pelo grande público de “haka viking” por trazer cânticos e palmas sincronizadas. O ritmo embalou os islandeses durante a EURO 2016 e ficou conhecido como uma demonstração de força da seleção da Islândia.

Voltando ao comercial, a marca faz um belo percurso pelo território islandês, destacando as paisagens, jogadores, torcedores, população e a cultura local em sinergia com o atual momento da equipe, que jogará o primeiro Mundial de sua história. Outro destaque fica por conta da direção do conteúdo, assinada por Hannes Thór Halldórsson, que ao lado de Frederik Schram e Rúnar Alex Rúnarsson, forma o trio de goleiros convocado pelo técnico Heimir Hallgrímsson para a Copa na Rússia.

Fonte: MKT Esportivo



0 comentários :

Postar um comentário