Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Rakuten deve fechar naming rights do Camp Nou com o Barcelona


Empresa está satisfeita com retorno de patrocínio máster e quer dar outro passo

Após muita especulação, o Camp Nou pode ter seus naming rights vendidos em breve. E, apesar dos nomes de algumas empresas terem sido ventilados, os direitos podem ficar com uma velha conhecida, a Rakuten, que já detém o patrocínio máster da camisa do Barcelona. As informações são do jornal espanhol Mundo Deportivo.

De acordo com a publicação, Hiroshi Mikitani, CEO da Rakuten, empresa que possui grande presença no comércio eletrônico, mas também possui investimentos em outras áreas como viagens, telecomunicação e crédito bancário, está profundamente satisfeito com o retorno dado pelo patrocínio máster fechado com o clube espanhol desde 2017.
Por conta disso, estaria disposto a dar mais um passo no relacionamento e vincular a marca japonesa ao nome do estádio do Barça. Mikitani estaria disposto a estender o contrato com o clube, que atualmente é de quatro anos, acrescentando os naming rights do Camp Nou. A ideia é elevar a marca a um patamar ainda maior internacionalmente com a iniciativa.
Segundo o Mundo Deportivo, um novo contrato poderia garantir mais 300 milhões de euros ao Barça, metade do que o clube vai gastar no projeto “Espai Barça”, novo complexo esportivo do Barcelona, que compreende a remodelação do Camp Nou e do Palau Blaugrana, ginásio usado pela equipe de basquete do clube
O único entrave visto pelos altos escalões do Barça é o tempo mínimo proposto pelo acordo, que seria de 20 anos. Alguns diretores acreditam que é tempo demais para ficar vinculado a um patrocinador tanto na camisa como nos naming rights do estádio.
Vale lembrar que o contrato entre Barcelona e Rakuten rende 55 milhões de euros por ano ao clube espanhol. Segundo a revista Forbes, o acordo é o maior do mundo entre um clube de futebol e um patrocinador máster.
A relação entre clube e empresa, inclusive, já não é mais só dentro de campo há algum tempo. A empresa de investimentos do zagueiro Gerard Piqué acertou uma parceria com os japoneses, que assinaram patrocínio até para uma turnê mundial da cantora Shakira, esposa do jogador. A própria venda do meia Andrés Iniesta ao Vissel Kobe, do Japão, tem o dedo da Rakuten.
Se o novo contrato for confirmado, a Rakuten enxerga nele uma série de oportunidades comerciais para seu próprio crescimento. O intuito é utilizar tanto o Camp Nou como o Palau Blaugrana para shows e concertos, por exemplo.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/rakuten-deve-fechar-naming-rights-do-camp-nou-com-o-barcelona_34813.html#ixzz5JS0Gk1aW



0 comentários :

Postar um comentário