Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 4 de julho de 2018

Apostas sobre Copa na China devem passar de R$ 30 bilhões


Apenas as apostas na fase de grupos já foram o dobro da Copa de 2014 inteira


As apostas dos chineses em jogos da Copa do Mundo devem movimentar um recorde de US$ 7,5 bilhões, cerca de R$ 30 bilhões, segundo o governo chinês.
De acordo com a loteria oficial do país, apenas na primeira fase da Copa as apostas somaram R$ 15 bilhões, superando o recorde de todo o Mundial de 2014, que foi de cerca de R$ 7,5 bilhões (ou seja, o dobro, e ainda falta computar todas as fases de mata-mata). 
Segundo especialistas chineses, esse aumento no número de apostas tem sua explicação em dois fatores primordiais. Um é o aumento do poder aquisitivo da população. O segundo é o uso mais intenso de redes sociais. Várias pessoas têm usado esses meios para mostrar os lucros que foram obtidos em apostas.
Mesmo fora da Copa, a China tem se destacado de diversas formas no Mundial da Rússia. O investimento das empresas chinesas no patrocínio à Fifa e à Copa do Mundo soma US$ 835 milhões e corresponde a mais de um terço de toda a arrecadação com patrocínios no torneio, por exemplo.
O país asiático tem o grupo Wanda como parceiro da Fifa e mais três empresas (Hisense, Mengniu e Vivo) como patrocinadoras do Mundial. Além das quatro, a Yadea fechou um acordo regional para o mercado asiático.
Com isso tudo, aumentam bastante as especulações de uma possível candidatura chinesa para sediar a Copa de 2030. Até o momento, a candidatura tripla de Argentina, Paraguai e Uruguai, além do Marrocos, são as únicas oficiais. A imprensa britânica especula que a Inglaterra também pode entrar na briga.

Original: http://maquinadoesporte.uol.com.br/artigo/apostas-sobre-copa-na-china-devem-passar-de-r-30-bilhoes_34892.html#ixzz5KJRAHU8P

0 comentários :

Postar um comentário