Cabeçalho

Logotipo

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Copa do Mundo gera quase US$ 160 bilhões em apostas


Em média, cada jogo obteve um faturamento próximo a US$ 2,4 bilhões




O fato de a Copa do Mundo fazer girar uma enorme quantidade de dinheiro em todos os setores não é novidade para ninguém. A de 2018, no entanto, chegou a um número impressionante quando o assunto são as apostas. A Fifa divulgou nesta sexta-feira (10) que o setor gerou globalmente nada menos do que US$ 159,7 bilhões.  
O número é da empresa suíça de análise de dados esportivos Sportradar, provedora de serviços da Fifa, que fez um estudo minucioso do comportamento das apostas ao redor do planeta durante o mês do Mundial.
Segundo a empresa, cada jogo obteve um faturamento próximo a US$ 2,4 bilhões em média. Apenas a final entre França e Croácia, vencida pelos franceses por 4 a 2, chegou a US$ 8,2 bilhões em apostas em todo o mundo.
A Fifa ainda deixou claro que a Sportradar não encontrou nenhuma evidência de que houve algum tipo de manipulação nas partidas.
“O sistema de detecção de fraudes da Sportradar monitorou mais de 550 operadores de apostas em todo o mundo, gerando alguns alertas durante a competição, que são facilmente explicados pelos mercados ajustando as probabilidades de abertura após a primeira ou a segunda partida. Após uma análise qualitativa detalhada das probabilidades globais de volume e movimento dentro do mercado de apostas, nenhuma partida da Copa do Mundo da Fifa de 2018 na Rússia foi considerada suspeita de manipulação ou fraude”, afirmou a Fifa, em um comunicado oficial.
A exigência em torno do assunto se justifica por conta dos recentes casos de manipulação de resultados em alguns países europeus, sendo o mais famoso o ocorrido na Itália. Além disso, soltar um comunicado sobre o assunto garantindo a idoneidade das apostas relacionadas ao torneio ainda ajuda a Fifa a se afastar do estigma de corrupção que assolou a entidade nos últimos anos.
Fonte: Máquina do Esporte


0 comentários :

Postar um comentário