Cabeçalho

Logotipo

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Macron fecha com Hannover e ganha espaço na Alemanha


Marca italiana substituirá alemã Jako a partir da temporada 2019/2020




O Hannover, time que disputa a Bundesliga, primeira divisão do futebol alemão, anunciou nesta terça-feira (28) um acordo com a marca italiana Macron, que passará a ser a fornecedora de material esportivo do clube a partir da temporada 2019/2020. Com isso, a parceria com a marca alemã Jako, que durou oito anos, será encerrada ao final da atual temporada.
O contrato com a Macron foi assinado por seis anos e não teve os valores revelados. Com o acordo, a marca italiana continua seu crescimento pela Europa afora e ganha espaço na Alemanha. No país, a Macron já é parceira de outros times de futebol, o FC Union Berlin e o tradicional Munique 1860, além da federação de rúgbi, as equipes de handebol DJK Rimpar Wolfe e Brose Bamberg, e ainda times de basquete e vôlei.
Pela Europa, a marca tem acordos com mais de 70 clubes de futebol, entre os quais se destacam Lazio e Udinese, da Itália, o Sporting, de Portugal, e o Estrela Vermelha, da Sérvia. A marca ainda fornece material esportivo para seleções europeias menores, como Andorra, Armênia, Belarus, Chipre, Ilhas Faroe, Liechtenstein, Luxemburgo e San Marino. Tudo isso faz com que a Macron seja a terceira maior fornecedora da Europa, atrás apenas das gigantes Nike e Adidas.
 “Estamos convencidos de que encontramos um parceiro forte para os nossos jogadores de futebol, jovens futebolistas e fãs com a Macron, e ansiosos para ver produtos atraentes com um toque italiano e design inovador”, afirmou Josip Grbavac, gerente de marketing do Hannover.
“A Macron provou nos últimos anos que é uma parceira forte e confiável para os clubes de futebol em todo o mundo. Temos certeza de que definimos um acordo excelente para o clube e ansiosos para trabalhar com a Macron”, declarou o Björn Bremer, CEO do clube alemão.
“O acordo com o Hannover é a mais recente parceria de prestígio que asseguramos, e aumenta ainda mais a nossa família de clubes de primeira linha, o que mostra o sucesso desta estratégia corporativa e nos dá a consciência do reconhecimento internacional da marca”, concluiu Gianluca Pavanello, CEO da Macron.
Fonte: Máquina do Esporte


0 comentários :

Postar um comentário